Ana Paula trocou de nome

caixa

Passávamos as compras pelo caixa do mercado, mas eu ainda não havia notado o nome da funcionária. Até porque não era meu costume notar esse tipo de informação. Foi quando disse à Bia, minha pequena filha, para segurar o salgadinho na mão, e então que aquela conversa um tanto estranha começou.

– Oi Bia, como você é bonita! Qual é o seu nome?

Bia, interessada, respondeu à caixa.

– Bia.

A funcionária, planejando um sorriso leve, tornou os olhos para mim, sem mesmo mexer a cabeça, e perguntou novamente.

– Qual é o nome dela? Beatriz?

Eu neguei com gestos e esclareci a situação.

– É Bia mesmo senhora, só Bia.

Foi então que a coisa tomou o rumo esdrúxulo.

– Ah, coitada, será que ela vai querer mudar quando crescer? Eu mudei meu nome.

Nesse dia, eu estava sossegado, nada me tiraria daquele estado raro de tranquilidade. Então, ainda com gestos, dei a entender que gostaria de saber mais sobre o assunto. A caixa, animada com o papo, prosseguiu.

– Meu nome era Ana Paula, mas eu não gostava, não, moço. Daí que troquei.

Pensei com meus miolos o que poderia ser tão mais legal ou melhor do que Ana Paula. Como de reflexo quase instantâneo, perguntei:

– Ah, é? Como você se chama agora?

– Vanelice – finalizou a garota.

 

(Por Niko)

 Foto: Mexida da internet

Somos um grupo secreto. Nosso objetivo é, secretamente, contribuir para fazer do mundo um lugar melhor. Somos todos personagens alter-egos do jornalista Rodrigo Rezende e mais algumas coisas. Para falar com ele, mande um e-mail para papelvegetall@hotmail.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s